Sou boa mãe, mas…..

Categorias: Conversa fiada, Prosa de mãe

Nós mães tentamos a todo custo acertar, dar conta de tudo, fazer sempre o melhor….. mas como ninguém aqui é mulher maravilha, apesar de sermos maravilhosas, todas nós cometemos pequenos pecados, certo?! Alguns conscientes outros sem querer, por puro cansaço, por esquecimento, por desespero, por desconhecimento, por se permitir….. Afinal ninguem é perfeito! Ah… mas aí bate a tal da culpa, aquela que apareceu junto com a listrinha rosa no positivo e não te largou nunca mais…. E então você conversa com outras mães e descobre que você é normal, que todas cometemos erros, especialmente estes pequenos delitos…. e que no final das contas dá até pra rir deles.

Por isso hoje estou aqui para confessar todas as minhas mancadas, deslizes e distrações, são meus pequenos pecados maternos, alguns me doeram na alma, outros eu assumo sem neuras, e fazendo a lista até pensei que eu sou meio desencanada mesmo…. e isso porque estou no primeiro filho, imagina no próximo! Mas o que me resta é rir de mim mesma…. porque você que me vê de longe pode até pensar que eu sou perfeitinha e que a maternidade me transformou, mas eu mantenho a minha porção inadequada!

Imagem: D. Garding / Creative Commons

Imagem: D. Garding / Creative Commons

Sou boa mãe, mas….

derreti as chupetas, queimei a panela e quase botei fogo na casa

belisquei a perninha do meu bebê fechando o cinto do cadeirão

queimei a boca do filhote com a primeira colherada de sopa

dormi e deixei o Pedro cair da cama (mais de uma vez!)

adiei a troca de fralda para não ter que acordá-lo

às vezes, “perco”a hora natação só para dormir um pouco mais já que ele ainda não acordou

coloco ele na cama sem banho quando chegamos da rua e ele vem chapado no carro

já deixei dormir direto de 5 da tarde até o dia seguinte sem jantar

muitas vezes demoro mais que o necessário no banheiro, só pra ter alguns minutos de silêncio (quando consigo ir sozinha, claro!)

limpo as remelas com saliva quando esqueço de lavar o rosto dele antes de ir pra escola

nunca consegui limpar a boca dele com gaze depois das mamadas (alguém consegue?)

já rosnei pra ele, isso mesmo rosnei, tipo grrrrrrrr…… no meio de um ataque de birra (dele!)

já esqueci de levar os tênis da escola pra natação, o par extra da mochila já não cabia mais, e eu tinha esquecido também a chave de casa…. fomos a uma sapataria, ele descalço!

eu “roubo”seus biscoitos, as vezes o último!

durante uma falta de luz em casa, trombei nele e o derrubei

eu relutei em colocá-lo pra jantar na escola, mas agora que faz, eu acho tãaaao bom não ter mais essa obrigação quando chego do trabalho

já apelei pros biscoitos várias vezes pra que ele ficasse sentado quieto no carrinho

já esqueci o remédio fora da geladeira e só reparei depois de 3 dias de tratamento

e por fim… perdi meu filho no Parque Lage, foram só alguns segundos, mas perdi (dessa eu nunca vou conseguir rir e nem esquecer!)

Esses são alguns que eu lembro, porque você sabe né a maternidade afeta um bocado a memória…. E você, quer se confessar também? Conta aí!

 

 

 

 

 

13 comentários

  1. Me matei de rir e até chorei!!!! Rsrs Se eu te contar os meus pecados maternos vc vai achar os seus besteiras!!! Rsrs
    Eu tenho dois filhos, o Guilherme de 3 anos e o Rafael de 6 meses!!!!
    E não é tão fácil cuidar dos dois, da casa, do marido e da empresa quanto eu pensava!!! E assim, acabo deixando a desejar e cometendo uns pecados q muitas vezes me deixa chateada e me fazem perguntar se realmente vale a pena a vida q estou levando!!! :'(
    Quantas vezes não dei miojo pro gui pq tava tão atarefada ou tão cansada q não conseguia fazer comida de verdade?
    Ou quantas vezes ele não veio me pedir comida com uma banana ou outra fruta na mão pq já tinha passado e muito a hora do almoço???
    Quantas vezes não fiz os dois chorar com gritos???
    Ou quantas vezes minha impaciência e preocupação com a administração da empresa me fez mandar eles pra casa das vizinhas, das tias e outras amigas pra me darem momentos de “sucego”?

    Não é algo fácil e todos os dias eu digo q vou melhorar esses quesitos e me dedicar mais ha eles!!! Claro q ainda não consegui mas, tenho me esforçado muito!!! Consegui mudar a nossa alimentação e estou mais organizada para atender melhor pelo menos os horários das refeições!!
    Claro q a casa ainda esta bagunçada e cheia de brinquedos espalhados!! Rsrs mas, quem liga??? Amo essa decoração!!! Rsrs
    Um grande bjo e força ai!!!

    P.s.: não sei se te ajuda mas, tem umas muchilinhas q tem umas cordinhas pra criança ficar presa em nós!!! Quando saio sozinha com as crianças eu uso no gui!!! Pq ele corre, se esconde etc… E pra não ter o problema de perder ele ou de alguém levar essa foi a solução q encontrei!!!!

    1. Fernanda Curado Reale comentou:

      Oi Valeria, obrigada por compartilhar sua experiência e parabéns pela coragem de admitir seus “pecados” a maioria de nós até ri desses mais leves, mas fazer um desabafo sincero como o seu não é pra qualquer uma, tenho certeza que você é a melhor mãe para os seus filhos!!!

      Pedro hoje já tem 3 anos, ele nem é do tipo que foge não, eu tenho a mochilinha, mas nunca funcionou, ele prefere mesmo dar a mão. O episódio no parque lage foi o típico, tá todo mundo olhando e afinal quem tá olhando entende? Estavamos comemorando o aniversario da minha sobrinha, familia toda em um piquenique, tava solto, e de repente não o vi ali n meio de nos, e pergunta pra avó, avô, tio, pai, quem foi o ultimo a vê-lo… e foram segundos de um susto inenarrável, mas graças a Deus, foram só segundos mesmo, não chegamos ao pânico, não deu tempo…. mas é sempre um bom alerta! Não pode tirar o olho!

      bjs

      1. Realmente é um susto de tirar o folego!!!!! Mas, q bom q ele não sumiu!! Rsrs O meu tem 3 anos tbm mas, gosta de correr e se não cuidar some tbm!!!! Ele é terrível!!! Rsrs

        Grande abraço.

  2. Ester comentou:

    Srsr nossa, é um grande alívio mesmo ler e saber que não sou a única nos delitos maternos… Srsr
    Confesso, já quase escaldei meu bebê de dois meses com a água muito quente do banho, ele já bebeu a água do banho (esse me deu o maior susto, fiquei chorando abraçada com ele depois do susto), já deixei ele chorando sozinho no carrinho no qto dele enquanto ia na cozinha beber água e contar até 10 p retomar a paciência, etc… Srsr esses e alguns dos seus tbm já cometi.
    Somos humanas né?

    1. Ester, tenta contar até 10 com um te chamando e o outro gritando!!! Rsrs quando o Rafael nasceu ele tinha tanta cólica e o guilherme tanto ciúmes q eu achei q ia ficar louca!!! Teve uma vez q sai do apto e Fechei a porta pra ficar em silêncio!!! Chorei horrores e me senti a pior mãe de todas!!!! Minha vizinha, q é uma senhora, apareceu e me viu chorando e quando contei o q tinha acontecido ela entrou deu banho nos meninos e fez eles dormir. Depois me disse “chora todas as vezes q vc quiser chorar pq isso te ajuda a aliviar a tenção! E se vc ta chorando significa q vc ama seus filhos e é uma boa mãe!” Hj eu olho os 6 meses q se passaram e vejo q agora esta mais fácil e pior ao mesmo tempo!! Rsrs pq o gui se acostumou com o rafa e eles se adoram mas, o rafa ta engatinhando e tenho q ficar de olho o nele o tempo todo!!! Rsrs tudo são fases e tudo passa!!!! Bjo no coração!!!

      1. Ester comentou:

        Oi Valeria, nossa que loucura né? As vezes perdemos mesmo a paciência e fica difícil voltar a eixo!
        Já entrei no chuveiro depois q meu bebê dormiu e chorei porpor uns 30 min e meu esposo perguntando o q foi!
        É difícil pq nos sentimos culpadas sim qdo ficamos nesse estado, mas nessa hora ainda bem q aparecem pessoas p nos ajudar … Acredito q faz parte do nosso crescimento pessoal essas crises!
        E q bom q no final dá tudo certo né?
        (To preocupada desde ja qdo ele começar a engatinhar) boa sorte e fique com Deus.

    2. Fernanda Curado Reale comentou:

      Sim Ester, esse foi o objetivo da lista, fazer com que você aí do outro lado se sinta normal, por que apesar dos sustos, remorso e às vezes até culpa, eu me sinto super normal…risos….

      Nós sobrevivemos e eles tb!!!
      bjs

      1. Ester comentou:

        Sim, sobrevivemos sim srsrsr
        Amo ler seu blog, ele definitivamentee faz sentir mais normal!
        Parabéns!
        Sucesso! 😉

  3. Jessica comentou:

    Ai já deixei minha filha cair do sofá quando tinha 4 meses, foi um mega susto, e cometo quase todos citados kkkk

    1. Fernanda Curado Reale comentou:

      Jessica, deixar cair é super comum tb, mas dá um remorso ne! A primeira vez pedro já tinha uns 9 meses eu acho, ele meio que já descia da cama sozinho, por isso imagino que ele tenha caido tentando descer, enrroscou o pé no lençol ou coisa assim, meu remorso maior é ter pego no sono, pq eu nem vi o que aconteceu, vc acorda com o barulho, no susto… mas a gente sobrevive e eles tb!!!!!!
      bjs

  4. Eu cometi alguns delitos maternos..kkkk…eu já escondi docinho e bombom de festa só pra não ter que dividir com eles, já comprei pacote de fraldas menor e só vi depois que peguei a primeira fralda. Pra não desperdiçar…kkk…as vezes dá uma preguicinha de passar a pomada em todas as trocas de fralda..

    1. Fernanda Curado Reale comentou:

      Amandinha, seus delitos são levíssimos hehehehe

    2. Ester comentou:

      Kkkkk tbm tenho preguiça as vezes de passar a pomada, e confesso q as vezes economiso mesmo, o meu bebê só se deu bem com o hipoglos e ta quase 30 reais cada tubo q dura uma semana e meia… Nussa!
      Mas ele nunca assou por isso, ainda bem!

Deixe seu comentário!